"As vezes ouço passar o vento, e só de ouvir o vento passar, vale a pena ter nascido”
(Fernando Pessoa)

27 de maio de 2011

MOUNTAIN BIKE EM FLORESTAL E REGIÃO


Todos sabemos que a região de Raposos, Rio Acima, Sabará, Nova Lima e Caeté na grande BH é o paraíso para a prática de mountain bike. São estradões e trilhas com os mais diferentes níveis técnicos e de resistência.

Mas como a galera aqui reside em Betim e Contagem, fica fora de mão atravessar toda BH para chegar a estes locais e praticar os já tradicionais pedais de domingo.

Para contornar a situação, os locais escolhidos foram nossas vizinhas Florestal, Mateus Leme e esporadicamente Igarapé. O local de partida quase sempre é o Sítio Mangais do nosso amigo Luizinho em Florestal. O local é um misto de bar, restaurante e pousada. Lá deixamos os veículos motorizados e partimos para o pedal.

Os destinos são os mais variados, buscando percorrer o mínimo possível em asfalto, sempre em estradões de terra com percursos variando de 30 a 50 Km. De início parece pouco, mas a topografia da região é bastante irregular e isto significa muitas subidas.

Em direção ao Povoado de Ribeirão do Ouro há bons percursos com diferentes distâncias, passando, dependendo do percurso, pela Barragem, Valentim, Fazendas Goianas, Marinheiros, Ribeirão do Ouro, Catatau, Granjas Marra e Gameleira.

Em direção ao Distrito de Cachoeira de Almas, pode-se seguir até a BR 262, Restaurante Milhão, retornando a Florestal pela Fazenda Cachoeira. É um percurso relativamente fácil.

Em direção ao distrito de Sítio Novo (município de Mateus Leme) pode-se seguir rumo a Mateus Leme, virar a esquerda sentido a Mineração Matheus Leme, pegar a BR 262 à esquerda, retornando a direita pela região denominada Barreado. Também é um percurso bastante fácil, ideal para iniciantes.

Já o trajeto partindo de Florestal, passando por Sítio Novo, Mateus Leme, Boa Vista com retorno a Florestal com 40 Km é bastante difícil. Possui subidas longas e outras curtas, mas íngremes. É um dos meus percursos preferidos, mas haja pernas . . . Pena que de Boa Vista a Florestal pega-se um trecho de 8 Km em asfalto sem acostamento, por sinal bem perigoso.

A seguir algumas fotos da galera do pedal em alguns locais da região de Florestal e Mateus Leme:



Kenny, Anderson (Bamby) e Eu na cachoeira abaixo da Barragem em Florestal/MG


Kalipha, Anderson e Kenny em Cachoeira de Almas, Florestal/MG


Kalipha e Eu na antiga Estação Ferroviária de Mateus Leme/MG


Barragem em Florestal/MG


Luciano Flório (quase morto) em Mateus Leme/MG


Eu na estrada de acesso a Mineração Matheus Leme em Mateus Leme/MG


Vitor na estrada de acesso a Mineração Matheus Leme, Mateus Leme/MG

2 comentários:

  1. Bacana !!! Será que pedalaram mesmo???? Sei lá hein !!!
    Mas um dia largo esta vidinha sedentária e encaro umas pedaladas por aí também.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Olá Adriana!!!
    Pedalamos sim...
    Tudo bem que não temos aquele "porte atlético" mas se der bobeira deixamos muita gente nova comendo poeira.
    Rss...

    Abraços.

    ResponderExcluir